Alfa Romeo e Mille Miglia e Genebra

Se há relação íntima e chegada no mundo automóvel, em que os nomes andam sempre de mão dada, é a relação entre a Alfa Romeo e a Mille Miglia. A mítica corrida italiana pode ter acabado em 1957 no seu formato competitivo original, mas mesmo começando em 1927 viu a Alfa Romeo conseguir umas nada modestas 11 vitórias e nunca perdeu o seu encanto e carisma levando a que fosse reeditada em 1977 como uma prova de regularidade para clássicos.

Aquela que será a 37ª edição da reevocação da corrida “mais bonita do mundo”, como Enzo Ferrari fazia questão de lhe chamar, terá lugar entre 15 e 18 de Maio no tradicional e original percurso Brescia – Roma – Brescia. E vê a parceria com a Alfa Romeo ser prolongada por mais 3 anos e por isso, o desfile da Mille Miglia 2019 vai contar com a presença de 30 Giulia e Stelvio como veículos oficiais a acompanhar alguns dos Alfa Romeo mais notáveis guardados e conservados no Museo Storico Alfa Romeo – La macchina del Tempo em Arese, provenientes da colecção FCA Heritage.

A marca italiana vai também apresentar as edições limitadas “Alfa Romeo Racing” do Giulia Quadrifoglio e do Stelvio Quadrifoglio durante o Salão de Genebra, como forma de celebrar, não só, todo o historial na competição automóvel da Alfa Romeo que fez questão de deixar o seu cunho histórico pela Mille Miglia, Targa Florio, DTM e Fórmula 1, mas também a entrada de um novo piloto italiano no mundo da Fórmula 1, Antonio Giovinazzi, para a equipa “Alfa Romeo Racing” ao lado do Campeão Mundial de 2007, Kimi Räikkönen.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *